Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Deep Life
Deep Life aqui você acha!
Conectar-se

Esqueci minha senha

Novembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930   

Calendário Calendário

Quem está conectado
2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 46 em Sab Mar 19, 2011 11:48 am
Estatísticas
Temos 79 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de romaxx

Os nossos membros postaram um total de 1084 mensagens em 287 assuntos

A Lei de Lenz

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Lei de Lenz

Mensagem por Pessi em Qua Jun 30, 2010 9:07 pm


Faraday, em seus estudos e experimentações, percebeu que a corrente induzida que aparecia no circuito mudava de sentido constantemente, ou seja, em um dado momento ela estava em um sentido em outro ela estava em sentido contrário ao primeiro. Apesar de perceber esse acontecimento, Faraday não conseguiu chegar a uma lei que indicasse como determinar o sentido da corrente induzida. Foi somente no ano de 1834, poucos anos após a publicação dos trabalhos de Faraday, que o físico russo Heinrich F.E. Lenz apresentou uma regra, atualmente conhecida como Lei de Lenz, que permite indicar o sentido da corrente induzida.

Quando um ímã se aproxima de uma espira, surge uma corrente induzida sobre ele. Essa corrente faz surgir um campo magnético, cujo sentido pode ser determinado pela regra de Àmpere. Ao aplicar essa regra verifica-se que o campo magnético tem sentido oposto ao campo magnético do ímã. Se fizermos o contrário, ao afastarmos o ímã da bobina perceberemos que a corrente induzida surge em sentido contrário à situação anterior e ao utilizar novamente a regra de Àmpere é possível perceber que o campo magnético criado pela corrente induzida tem o mesmo sentido do campo magnético do ímã.

Ao fazer essas observações Lenz concluiu que o sentido da corrente é o oposto da variação do campo magnético que lhe deu origem. Assim sendo, Lenz formulou uma lei que ficou conhecida como a Lei de Lenz e pode ser enunciada da seguinte forma:

A corrente induzida em um circuito aparece sempre com um sentido tal que o campo magnético que ele cria tende a contrariar a variação do fluxo magnético através da espira.
avatar
Pessi
Grupo
Grupo

Mensagens : 424
Pontos : 716
Reputação : 4
Data de inscrição : 06/05/2010
Idade : 27
Localização : Campo Novo - MT

Ver perfil do usuário http://deeplife.maisforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum